domingo, 12 de agosto de 2018

Salada rápida de bacalhau e grão de bico

Após um final de ano letivo cheio de trabalho, nem sempre me apetece passar muito tempo na cozinha. Além disso, este calor pede saladas e pratos rápidos como esta salada rápida de bacalhau e grão de bico.




Vocês não sei mas eu, adoro estas saladas com leguminosas sejam grão ou feijão. Além de serem saborosas são super saudáveis.
 Eu vou variando a receita, desta vez não coloquei batata mas, se preferirem, podem ver a versão com batata aqui.
Para cortar a cebola bem fina usei a minha mandolina da Börner
Espero que tenham gostado!
Até breve!!! ❤
Ingredientes:
1 embalagem de Bacalhau desfiado Pescanova
3 Ovos
Azeite Extra Virgem (entre 50ml e 100ml)
2 dentes Alho
1 folha Louro
1 Cebola
1 lata grande de Grão de Bico
Sal e pimenta q.b.
Azeitonas pretas q.b.
Salsa q.b.

Preparação:
Cozer o bacalhau com uma folha de louro (sem a nervura central).
Aquecer o azeite numa frigideira alta, juntar os dentes de alho fatiados e deixe alourar.
Cortar a cebola em rodelas finas (usei a minha mandolina da Börner) e, quando o alho estiver dourado desligar o lume e juntar a cebola. 
Adicionar o bacalhau e envolver bem e deixar 1-2 minutos. Colocar o grão bem escorrido e envolver bem.Temperar com sal e pimenta e misturar bem para o azeite aromatizado envolver todos os ingredientes e deitar numa travessa.
Cortar os ovos em gomos e colocar sobre a salada de bacalhau, polvilhar com salsa picada e decorar com as azeitonas pretas.
Servir de imediato ou então levar ao frigorífico e degustar fresca.

terça-feira, 7 de agosto de 2018

Néctar de nectarina

As minhas férias chegaram e com elas chegou o calor, a piscina e o (quase) "Dolce fare niente".
Com este calor, e aproveitando umas nectarinas que estavam a ficar muito maduras, decidi fazer um néctar bem saudável. 


Olhem só para esta cor!!!
Adoro estes néctares caseiros pois estes sim, sei que não têm corantes nem conservantes e são tão bons!!! Eu, optei por não acrescentar açúcar mas se preferirem podem acrescentar um pouco de açúcar, frutose ou outro adoçante.
Para aumentar o tempo de conservação do néctar, para além de usar garrafas de vidro previamente esterilizadas, optei por cozer a fruta.
Antes que me perguntem, estas garrafinhas fantásticas são da DeBorla e como têm a tampa metálica dão perfeitamente para esterilizar.
E já agora, se são de Castelo Branco ou arredores, aproveitem nos dias 11 e 12 de Agosto e passem na loja pois vão estar uma grande variedade de produtos com 50% de desconto direto. Se ainda não viram o folheto do aniversário da loja DeBorla Castelo Branco, espreitem aqui
Eu vou, claro, depois conto-vos tudo!!! ❤

Ingredientes: (5-6 garrafinhas)
500g nectarinas (lavadas, descascadas e cortadas aos pedaços)
500g água 
Açúcar ou adoçante q.b. (eu não coloquei!)
Gotas de limão q.b.

Preparação Bimby:
Lavar, descascar e cortar as nectarinas em pedaços, regar com as gotas de limão e reservar;
Colocar no copo da Bimby e adicionar a mesma quantidade de água (se desejar um néctar menos espesso deverá colocar 700g de água em vez dos 500g) e programar 15 min/ 100ºC/vel 1; De seguida, se achar necessário colocar o açúcar ou a frutose e triturar indo, progressivamente da vel 5 até à vel 7.
Verter para os frascos de vidro, previamente esterilizados, colocar as tampas e inverter os frascos deixando arrefecer assim (este procedimento permite criar vácuo e aumentar o tempo de vida do produto). 
Quando frio, colocar no frigorífico até servir.

Preparação tradicional:
Lavar, descascar e cortar as nectarinas em pedaços, regar com as gotas de limão e reservar;
Colocar uma panela com a água (se desejar um néctar menos espesso deverá colocar 700g de água em vez dos 500g) e, quando ferver, colocar os pedaços de nectarinas. De seguida, se achar necessário colocar o açúcar ou a frutose. Deixar ferver entre 10 e 15 minutos e, quando as nectarinas estiverem cozidas, triturar com a ajuda de uma varinha mágica.
Verter para os frascos de vidro, previamente esterilizados, colocar as tampas e inverter os frascos deixando arrefecer assim (este procedimento permite criar vácuo e aumentar o tempo de vida do produto). 
Quando frio, colocar no frigorífico até servir.

sexta-feira, 3 de agosto de 2018

Caipirinha

Agora sim, o calor chegou em grande e eu estou oficialmente de férias... Chegou a altura de aproveitar para estar  com amigos e simplesmente não pensar em nada.
Assim sendo, brindemos ao calor, ao verão, às férias e aos amigos. ❤


Para fazer a caipirinha costumo usar a receita da equipa da Bimby mas adapto as quantidades ao nosso gosto (ora mais forte, ora menos forte!).
Com o calor, sabe mesmo bem mas já sabem, a beber com moderação!!!
Beijinhos!!! ❤

Ingredientes: (4 copos)
70g açúcar
100g cachaça
3 limas, cortadas em quartos
900g cubos de gelo

Preparação:
Colocar no copo o açúcar e pulverizar 15 seg/vel 9.
Adicionar a cachaça, as limas e pressionar o botão Turbo 2 a 3 vezes. Retirar para um jarro e reservar.
De seguida, colocar no copo 300g de gelo e picar na vel 5. Retirar para o jarro. Repetir este procedimento com o restante gelo, usando 300g de cada vez. Envolver com a ajuda da espátula e e servir.

domingo, 29 de julho de 2018

Resultados do passatempo 60 anos "Margão, dá sabor à sua imaginação"

Como já sabem, a Margão, dá Sabor à sua Imaginação está de parabéns pelos 60 anos mas quem ganhou foram os seguidores do blog pois, durante esta semana, esteve em vigor um passatempo com 5 exemplares do livro "Margão, 60 anos. 60 receitas inspiradoras".


Desde já agradeço a todos os participantes e desejo a todos, boa sorte!!! ❤
Depois de ter verificado as participações e atribuído um número de ordem a cada participante, o random.org "decidiu" que os 5 vencedores deste passatempo são...
...
...
...
o número: 2... 7... 10 ... 15 e 26 que corresponde aos seguintes participantes: 
...
...
...
... Sílvia M.D. Pedrosa, Sofia Martins, Gisela Sousa, Sandra Martins e Rita Lopes!!!

PARABÉNS às vencedoras!!!
Enviem-me uma mp, via facebook, com a morada onde quer receber o prémio para eu encaminhar para a Margão!!!
Mais um vez, obrigada a todos os participantes!!!
Continuem a acompanhar, e divulgar, o blog!!! ❤

sexta-feira, 20 de julho de 2018

Passatempo 60 anos "Margão, dá sabor à sua imaginação"

Margão, dá Sabor à sua Imaginação , marca parceira do blog, está de parabéns pelos 60 anos e para comemorar editaram este livro com 60 fantásticas e aromáticas receitas. 


Eu recebi um livro e estou a adorar cada receita, mas não é tudo... Na verdade, A Margão e eu temos 5 livros para oferecer!!! ❤

Para se habilitarem a ganhar, basta seguirem as seguintes regras:

- Fazer "gosto" na página de Facebook da Margão, dá Sabor à sua Imaginação e seguirem também a marca no instagram em https://www.instagram.com/margao_portugal/;

- Fazer "gosto" na minha página As várias faces da Ginja e seguirem-me também no instagram em https://www.instagram.com/asvariasfacesdaginja/;
- Comentar este post✔identificando 3 identificando 3 amigos e deixando nome de seguidor no Instagram;

- Partilhar publicamente este passatempo no vosso mural pessoal.



O passatempo é válido para Portugal continental e Ilhas, podem participar uma única vez e este inicia-se hoje, 21 de julho e termina às 23:59 do dia 27 de Julho de 2018. 

Os 5 vencedores serão seleccionados de forma aleatória, através da plataforma random.org ., entre todas as participações que tenham cumprido as regras, e depois aqui divulgados aqui no blog. O envio dos livros será feito pela marca.

Participem e BOA SORTE! ❤

terça-feira, 10 de julho de 2018

Flan pasteleiro de café

Ontem foi o aniversários de casamento destas Ginjas. Sim, já passaram 13 anos desde o dia em que dissemos sim. Já passamos por muita coisa juntos... Como em todos os casamentos e relações tivemos momentos bons (e muitos bons!) e outros menos bons. O que interessa mesmo é superar os obstáculos que vão surgindo e sentir que valeu a pena.
Para comemorar este aniversário pus-me a inventar e tentei conciliar algo que adoro, flan pasteleiro, com um sabor que a outra Ginja aprecia, café. Podia não ter resultado mas, resultou!!! 





A fotos foram tiradas já ao anoitecer e daí não estarem fantásticas mas penso que dá para ficarem com a ideia.
Para obter um flan tão alto usei uma forma com cerca de 18cm de diâmetro (da DeBORLA). Obviamente que se usarem uma forma maior irão ter um flan mais baixo mas bom na mesma.
Gostam de flan e de café?
Então experimentem e depois contem como correu!!!
Beijinhos!!! ❤

Ingredientes:
4 ovos
100g de açúcar (se gostar de sobremesas doces coloque 125g)
1 pacote de natas (200 ml)
80g de maïzena
760g de leite
40g de café (corresponde a mais ou menos uma taça de café)

Preparação Bimby:
Colocar no copo limpo e seco o açúcar e pulverizar 10 seg/ vel 9;
Adicionar as natas, a Maïzena, os ovos, o leite e o café programar 10 seg/ vel 5 para misturar; De seguida, programar 10 min/ 90º/ vel 4;
Entretanto, forrar uma forma de abrir (usei uma de 18 cm de diâmetro) com papel vegetal e reservar;
Quando o creme estiver espesso, colocar na forma, alisar com a ajuda de uma faca e deixar arrefecer;
Depois de frio, levar ao forno pré-aquecido a 180ºC até ficar dourado e consistente (uns bons 40 minutos). Convém ir vigiando pois, por vezes, o creme, ao entrar em ebulição, tende a transbordar da tarteira; 
Deixar arrefecer bem antes de tentar desenformar (por vezes, sobretudo quando não houve qualquer percalço, sirvo mesmo na tarteira!!!)
Depois digam se gostaram!!! :*


Preparação tradicional:
Forrar uma forma de abrir (usei uma de 18 cm de diâmetro) com papel vegetal e reservar; Num tacho, levar a ferver o leite, o café e as natas. Retirar e reservar.
Num recipiente, bater os ovos com o açúcar até obter um preparado mais esbranquiçado. Acrescentar a Maizena e misturar.
Voltar a levar a mistura do leite e natas a ferver e, quando ferver, adicionar a mistura dos ovos, açúcar e Maizena e misturar bem. (Nota: Para ser mais fácil e não formar grumos eu costumo retirar para uma tigela o leite aquecido e misturar fora do tacho!)
Levar de novo ao lume, até ferver mas em lume brando e mexendo para não agarrar ao fundo.
Quando o creme estiver espesso, colocar na forma, alisar com a ajuda de uma faca e deixar arrefecer;
Depois de frio, levar ao forno pré-aquecido a 200ºC até ficar dourado e consistente (uns bons 40 minutos). Convém ir vigiando pois, por vezes, o creme, ao entrar em ebulição, tende a transbordar da tarteira; 
Deixar arrefecer bem antes de tentar desenformar (por vezes, sobretudo quando não houve qualquer percalço, sirvo mesmo na tarteira!!!)
Depois digam se gostaram!!! :*

sábado, 30 de junho de 2018

Caprichos do mar com arroz de tomate

Eu adoro cozinhar mas existem certas alturas em que parece que me faltam as ideias...  Por essa razão, quando me lembro de algo simples, rápido e bom gosto de partilhar com vocês (para o caso de terem também momentos destes  em que a inspiração nos abandona!).
A sugestão de hoje é uma destas receitas: caprichos do mar com arroz de tomate.



Estes caprichos do mar dão para ser confeccionados no forno ficando mais saudáveis e, além disso, não têm glúten e fazem-se num "abrir e fechar de olhos". O M* adora!!! ❤
Quanto à cocotte e ardósia são da DeBorla, como não podia deixar de ser...
Beijinhos!!! ❤

Ingredientes: (3 pessoas)
1 embalagem de caprichos do mar Pescanova
1 cebola pequena
Azeite q.b.
1 tomate grande pelado e partido aos pedaços
1 copo de Arroz Carolino Bom Sucesso
2 copos e meio de água
2 c. de sopa de Polpa de Tomate Compal da Horta
Pimenta q.b
Sal q.b

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 200ºC e, quando quente, colocar os caprichos no tabuleiro sobre uma folha de papel vegetal. Deixar cozinhar cerca de 5-6  minutos (ou quando estiverem dourados), virar os caprichos e deixar cozinhar mais uns 5 minutos.
Para o arroz de tomate, picar a cebola, adicionar o azeite e deixar refogar até alourar;
Estando pronto o refogado, adicionar o tomate aos pedaços e a polpa de tomate, misturar e temperar com sal e pimenta;
De seguida, adicionar a água (de preferência quente) e deixar levantar fervura;
Colocar o arroz e deixar cozer, mexendo de tempos a tempos;
Retificar os temperos e, quando o arroz estiver quase cozido, servir de seguida com os caprichos do mar.