segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Bolo de rosas

Ontem foi o meu aniversário.... 
Já não dava muita importância a esta data mas, desde que o M* nasceu e agora que adora bolos, velas e cantar os parabéns, eu não podia mesmo deixar passar a data em branco.
Quando comecei a fazer o bolo, um bolo simples, já tinha decidido que não iria usar pasta de açúcar e que seria desta vez que tentaria fazer o "bolo de rosas".
Já em outras ocasiões tinha estado a "namorar" este bolo (obrigada Márcia por me ajudares!!!).
Mas o que interessa é que ontem foi o dia e, embora as rosas não estejam perfeitas, o bolo até estava bonito. 





Então vamos lá por partes...
Primeiro seleccionem uma massa de bolo. No meu caso optei por um bolo bem simples, mas podem optar pelo bolo red velvet ou outro.
Depois, têm de decidir se vão rechear com o creme que fizerem para cobertura (foi o que fiz!) ou usar outro tipo de recheio (ganache de chocolate, por exemplo).
Feito o bolo, que deve arrefecer completamente antes de começarmos a decorar, podemos passar à cobertura.

Para a cobertura também existem várias possibilidades de "cremes" (buttercream, por exemplo) que permitem fazer estas rosas mas eu optei por usar queijo-creme.
Mas vamos então à receita e dicas para o cobertura do bolo de rosas.

Ingredientes para cobertura de queijo-creme:
400g de queijo-creme (equivale a 2 embalagens, usei Philadéfia)
200 ml de natas (com mais de 35% de gordura e bem frias) usei marca Gresso
150g Açúcar (eu usei 100g apenas
1 gota de corante rosa em gel da Vahiné 
1 c. (sobremesa) de açúcar baunilhado Vahiné
Gotas de sumo de limão q.b.
Decorações da Vahiné

Preparação:
Colocar a borboleta e bater as natas (que devem ter no mínimo 35% de gordura e costumo colocá-las previamente no congelador para estarem bem frias) com umas gotas de sumo de limão, 2 min/ Vel 3,5 (Este passo implica atenção pois as natas passam facilmente a manteiga);
Retirar a borboleta e reservar as natas batidas numa taça;
Colocar no copo o queijo-creme, o açúcar e bater 3 min/ Vel 3,5;
Retirar e envolver nas natas batidas com uma espátula, adicionar umas gotas de corante e misturar até obter a cor desejada e homogénea; 
Colocar no saco pasteleiro (uso descartáveis para tornar tudo mais fácil!) com o bico 1M da Wilton e fazer um pequeno "teste", se não estiver no ponto de decorar deixar no frigorífico durante 1 hora para ganhar consistência.
Para a decoração segui este tutorial aqui, sugerido pela minha querida Márcia do Blog Os Temperos da Argas (não deixem de visitar este blog que tem bolos fantásticos!!!).

Assim, coloquei o bolo sobre uma base rotativa e barrei-o todo com uma fina camada do creme, de modo aos espaços entre as rosas ficarem "disfarçados"; 
Depois, na lateral, fiz uma primeira rosa, começando do interior e em movimentos lentos e circulares para fora... ao lado desta fiz outra... e outra... até preencher toda a lateral do bolo. Só depois passei para o topo do bolo onde fui fazendo as rosas (sempre de dentro para fora). No final, com o resto de creme que ainda tinha, fui preenchendo algum espaço vazio que ía vendo "et voilá"!

Espero ter ajudado mas qualquer coisa que eu tenha esquecido de referir ou que não tenham percebido estejam à vontade para perguntar.
Beijinhos!!!

8 comentários:

  1. Ficou lindo, parabens! Esse creme aguenta fora do frio bastante tempo? Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. lindo!!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Bonito não! Lindo! Parabéns!
    Nina
    https://www.facebook.com/cantinhodapartilha/

    ResponderEliminar
  4. Obrigada pela partilha eu estava ansiosa à espera! Parabéns pelo aniversário e por essas mãos habilidosas.
    http://amigos-da-cozinha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Ficou lindo, lindo. Parabéns pelo aniversário e pela bolo. Belo trabalho, sem dúvida!!!

    Tânia Tiago
    Bimby & Sabores da Vida

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo comentário!!! :)